O mapa de Quincas : CinePipocaCult :: bom cinema independente de estilo

CinePipocaCult : blog de cinema

recentes

O mapa de Quincas

Jogo Quincas Após uma semana seguindo os passos de Quincas, nossa jornada chegou ao fim. Apesar de muitos terem começado (foram quase mil visualizações nos posts do jogo) e vários terem elogiado por comentários, e-mail, twitter ou orkut, poucos chegaram ao final e encontraram a resposta para o enigma. Afinal, onde estava o prêmio? Para todos que começaram, desistiram no meio, nem tentaram ou ainda estão quebrando a cabeça, segue agora o mapa da mina, verão que não estava difícil e que deixamos, até, várias dicas. Parabéns aos vencedores, a experiência foi boa. Agora que conhecemos melhor o perfil de nossos leitores, vamos começar mais devagar de uma próxima vez. Convido a todos para uma última viagem, dessa vez com as respostas.

O jogo começou no dia 15 de maio, com o post THIS IS A GAME. Nele, era explicada a mecânica da promoção e lançada a primeira pista: ao assistir o trailer do filme Quincas Berro d´Água, o participante deveria identificar o primeiro ponto turístico e procurar referências a ele no Youtube. O ponto turístico creio eu, que a grande maioria descobriu: A estátua de Castro Alves, onde Quincas aparece pendurado. Para facilitar ainda mais, fiz um comentário no vídeo com o perfil do CinePipocaCult dizendo que "o filme era DEZ, no início já dava para perceber". Aos dez segundos de trailer aparecia a cena descrita acima. Procurando por estátua Castro Alves no Youtube, ou simplesmente clicando no perfil do blog no site era possível encontrar o vídeo abaixo:


Nele estavam as dicas que completariam a charada do dia, qual a rua em que aconteciam as festas do Pelourinho de Quincas? Para isso, tinha na descrição do vídeo a frase do historiador Cid Teixeira: "A prefeitura de vez em quando, quando não tem o que fazer, muda o nome das ruas..." e um link para uma reportagem no jornal A Tarde Mas, para entender qual rua mudou de nome, a dica final estava no próprio vídeo, na poesia recitada. Muitos podem não ter percebido, mas era de autoria de outro poeta baiano: Gregório de Mattos (por isso o título "a praça e a poesia de dois nomes da Bahia). A atual rua Gregório de Mattos, como explica o texto do jornal, já se chamou Maciel de Baixo, que era a resposta da primeira fase. Tanto pela frase do professor Cid Teixeira quanto pela matéria do Jornal A Tarde.

O jogador deveria, então, responder macieldebaixo (assim, tudo junto e com letras minúsculas) no espaço que estava no post de segunda-feira, dia 17 de maio. Assim, abriria um texto complementar com a nova dica. Nele havia um texto falando de poesia e um link para o site oficial do filme em um post sobre poesias de Curió: Porque poesia ruim é melhor que nenhuma. Nos comentários, dava para ler uma poesia assinada pelo CinePipocaCult, onde apenas quatro letras estavam em maiúscula formando a palavra CAIS. Era ela a chave da próxima fase.

No post de terça-feira, então, o jogador colocaria a palavra cais (também em minúsculas) que abriria as novas dicas. Elas levariam ao link do Picasa do blog com algumas fotos da Bahia. A última era da ladeira do Pelourinho com a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. Essa era a resposta da próxima fase.

O post de quarta-feira, talvez tenha sido a resposta mais complicada. Era preciso colocar igrejadenossasenhoradorosariodospretos (tudo junto e em letra minúscula novamente), desculpa a dificuldade, mas é que uma simples procura no google mostraria o nome da Igreja que os negros construíram para poder frequentar, então, tínhamos que dificultar de alguma forma. A chave abriria mais uma dica, além da placa da Igreja para ilustrar. Mais um link nos levaria ao Picasa, desta vez as fotos apenas ilustrariam os versos de uma música. Quem procurasse o nome dessa canção iria encontrar "Ladeira do Taboão". Local onde Quincas morreu e última chave para o post de quinta-feira.

Neste post derradeiro, era preciso escrever ladeiradotaboao (mais uma vez tudo junto e com letra minúscula) e abrir a fase final. Nela havia um texto falando do trajeto de Quincas e uma poesia bem ao estilo de Curió como última dica. Bastava juntar os pedaços, desvendar o mistério e enviar para o e-mail do cinepipocacult@gmail.com a foto do local. Pelo texto dava para saber que estávamos na praça Castro Alves (sim, demos uma volta pelo Pelô e voltamos ao mesmo lugar), mas o local exato estava explícito na estrofe: "E onde o Quincas está, Estampado no cartaz". Obviamente um cinema. E o cinema que temos na praça Castro Alves é o antigo Cine Guarany (nome da época de Quincas), depois Cine Glauber Rocha, para hoje, ser o Espaço Unibanco de Cinema. Qualquer uma das três respostas era aceita, se viesse junto com uma foto do local (que poderia ser achada facilmente na internet ou mesmo aqui).

Enfim, essa foi a nossa viagem. Se você não conseguiu, sugiro que anote as senhas e faça agora, apenas por divertimento, para testar todos os detalhes que preparamos com muito carinho para vocês. Aos que conseguiram e não foram os três primeiros, parabéns de qualquer forma. E aos três vencedores, basta esperar o prêmio que será enviado pela Núcleo da Idéia, já passei nome e endereço de vocês.

1º lugar - Mariana Paiva (resposta: Thu, May 20, 2010 at 01:17 PM) - Kit Completo

2º lugar -Grace Gomes (resposta: Sun, May 23, 2010 at 10:08 PM) - Kit Simples

3º lugar - Carlos Almeida (resposta: Mon, May 24, 2010 at 14:03 PM) - Kit Simples

CinePipocaCult :: bom cinema independente de estilo Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Tecnologia do Blogger.